VÍDEO: Covardes, PMs em Minas Gerais invadem residência e agridem um jovem e duas mulheres

Policiais militares invadiram uma casa sem mandado, após uma reclamação de perturbação da sossego por som alto, agrediram e prenderam um cidadão. Visivelmente alterados, os PMs também bateram na mãe e na irmã do jovem preso. O fato ocorreu anteontem, dia 16/05/20, em plena a pandemia na cidade de Mirabela, Estado de Minas Gerais.

A PM divulgou a seguinte nota sobre o evento:

“Nesta data passou a ser veiculado nas redes sociais um vídeo contendo imagens de dois policiais militares fazendo uma intervenção com emprego de força. Após análise da mídia e diante das informações divulgadas, apurou-se que o fato ocorreu no município de Mirabela/MG. Conforme circunstanciado no REDS (Relatório de Eventos de Defesa Social), por volta de 02h30min da madrugada do dia 16/05/2020, a PMMG foi acionada para atendimento de ocorrência de perturbação do sossego. O local denunciado se tratava de uma residência e foi possível constatar que o volume do som estava excessivamente alto por ocasião de uma confraternização. Os responsáveis pelo evento foram advertidos e orientados a cessarem aquela perturbação. Após deixarem o local, os policiais receberam novas solicitações relatando que o barulho ainda persistia. Diante de flagrante desobediência, a mesma equipe retornou ao local e nesse segundo contato foram recebidos com palavras de baixo calão, fato que ensejou a intervenção policial, inclusive com uso de força, em razão da conduta resistente dos envolvidos. O vídeo divulgado, por si só, não é capaz de demonstrar todas as circunstâncias do fato concreto por representar apenas uma parte da ocorrência. Para isso o Comando da PMMG instaurou um procedimento para apurar toda situação e adotar as medidas pertinentes”.

Veja mais notícias da região em G

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!