VÍDEO: Deputado argentino é detido ilegalmente após sua chegada na Bolívia

O governo boliviano, liderado pela presidente interina Jeanine Áñez, impediu ontem à noite (16) a entrada no país de deputados argentinos convidados pela Assembleia Legislativa boliviana.

Um vídeo que circula na redes sociais mostra o momento em que o deputado Federico Fagioli foi detido ilegalmente após sua chegada ao aeroporto de El Alto.

O argentino havia sido indicado como observador internacional representando a República Argentina nas eleições do próximo domingo (18) no Estado Plurinacional da Bolívia. A função dos observadores é participar na abertura do ato eleitoral nos diferentes locais de votação, visitar centros de votação e estar presentes no encerramento das eleições.

As eleições gerais da Bolívia, que deveriam ocorrer no primeiro semestre deste ano, foram adiadas duas vez por causa do coronavírus. Em setembro, Jeanine Áñez anunciou sua desistência de participar da eleição presidencial em uma tentativa de enfraquecer o candidato endossado pelo ex-presidente Evo Morales, Luis Arce, do Movimento ao Socialismo (MAS).

Confira o vídeo abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!