VÍDEO – Ex-bolsonarista Fagner diz que não apoiará ninguém em 2022 e que gosta de irritar Caetano: “dono da verdade”

Ex-bolsonarista Fagner diz que não apoiará ninguém nas eleições presidenciais de 2022- Foto: Reprodução

O cantor Fagner, ex-bolsonarista, afirmou que não apoiará ninguém nas eleições presidenciais de 2022 em entrevista a Marcelo Tas no programa ‘Provoca’ da TV Cultura.

Ao ser questionado sobre um possível 2º turno entre Ciro Gomes e Jair Bolsonaro nas próximas eleições, Fagner respondeu que não apoiaria em nenhum deles.

“Nenhum. Não, porque eu não quero me meter em política. O Ciro é meu amigo e naturalmente… Olha, essa história de Bolsonaro, eu conheci o Bolsonaro num voo, ele foi muito bacana comigo, bateu uma foto minha, publicou, queria que eu descesse com ele nesse voo lá em Campina Grande, eu até brinquei ‘nós dois juntos é uma encrenca’. Eu terminei fazendo um vídeo apoiando a candidatura dele, eu poderia ter evitado isso, mas eu fiz por uma situação pessoal minha em que me fotografaram com a camisa do outro candidato, e meu temperamento, eu fiz, mas não concordo com as coisas que ele fala”, respondeu.

Arrependido, ele já até se declarou no dever de criticar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) por ter votado nele.

O cantor ainda falou que gosta de irritar Caetano Veloso – que, segundo ele, se considera o “dono da verdade”.

Assista abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!