VÍDEO: ex-chefe da Lava Jato confessou apoio a Bolsonaro nas eleições, ao contrário do que diz Dallagnol

“A Lava-Jato nunca foi amiga do Bolsonaro, assim como nunca foi inimiga de Eduardo Cunha, de Lula ou da Odebrecht. Nenhum agente da Lava-Jato apoiou a candidatura de Jair Bolsonaro”, disse Dallagnol no Twitter.

Em entrevista à jornalista Renata Lo Prete na Globo News, o ex-procurador chefe da operação, Carlos Fernando dos Santos Lima, disse a verdade.

“Naturalmente, na Lava Jato, muitos entenderam que o mal menor era Bolsonaro”, admitiu, afirmando que seria muito difícil “ser a favor de um candidato (Fernando Haddad) que vinha de um partido que tinha o objetivo claro de destruir a Lava Jato”.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!