VÍDEO: “Me senti totalmente censurada”, diz Carol Solberg sobre punição do STJD

A jogadora de vôlei Carol Solberg que foi advertida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por manifestação política, foi uma das convidadas do “Papo de Segunda”, do GNT. A jogadora falou sobre o seu desconforto diante da advertência e disse que se sentiu censurada.

“Me senti totalmente censurada, dei um grito de desabafo por tudo que está acontecendo nesse país. Por tudo que está acontecendo nesse país, esses absurdos todos. Então eu acho uma loucura, de alguém dizer o que posso e o que eu não posso falar. É isso, vou recorrer, não concordo com essa decisão. Acho que me sinto no direito quando tô dando uma entrevista, é o momento onde eu tenho voz. Eu acho que tenho que poder falar o que eu quiser, sim”, disse Carol.

Confira abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!