VÍDEO: na TV Cultura, Vera Magalhães diz que falou com “médico do Sírio-Libanês, não um hospital lá do meio do Nordeste”

Vera Magalhães

Vera Magalhães brindou os telespectadores do Jornal da Cultura com um show de preconceito e estupidez.

A alturas tantas, disse que conversou com um “médico do Sírio-Libanês, não de um hospital lá do meio do Nordeste, um hospital público, mas um hospital de elite da capital do principal estado do Brasil”.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, acha que lockdown não é factível por “falta de estrutura”.

Seu chefe, João Doria, igualmente covarde, vive de fazer marketing com a vacina que não tem. O colapso chegou e vai piorar.

Mas imagine no Nordeste, aquela terra maldita, certo?

São Paulo merece Vera Magalhães e vice-versa.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!