VÍDEO: “Não sei se teríamos evitado um Bolsonaro. Agora é hora de virar a página do impeachment”, diz Marta

Marta e Aécio

Marta Suplicy foi uma das estrelas reunidas para o lançamento do movimento Direitos Já no Tuca, em São Paulo.

Ela falou sobre seu apoio ao golpe de 2016.

“Naquele momento, era o caminho correto. Se a Dilma tivesse ficado, não sei o que teria acontecido. Não sabemos se teríamos evitado Bolsonaro ou não”, disse.

“O que a consciência mandava fazer naquele momento era aquilo (o voto pelo impeachment). Agora nós temos que virar a página e nos unirmos porque o mal maior está aí”.

Essa groselha aparece a partir do minuto 7:00 do vídeo abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!