VÍDEO: No encontro com Trump, presidente de Portugal mostra como um chefe de Estado deve se comportar diante de outro

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Souza, recebido na Casa Branca por Donald Trump, mostrou como deve se comportar um chefe de Estado diante de outro, ainda que os Estados Unidos sejam muito maiores.

Marcelo, como se vê no vídeo abaixo, aproveitou a deixa de que Trump talvez vá para a Rússia e pediu a ele que transmitisse a Vladimir Putin que Portugal tem o melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, e pretende ganhar a Copa. Trump tentou misturar futebol e política e perguntou o que aconteceria se, sendo famoso, Cristiano disputasse a presidência com ele. Bem-humorado, Marcelo respondeu com uma crítica subentendida, já que Trump se elegeu por ser uma celebridade em seu País:

“Devo dizer que Portugal não é os Estados Unidos. Há uma pequena diferença”. Para ele, o fato de entre os dois países existir 142 anos de história em comum aproxima-os, mesmo que Portugal “não partilhe da mesma posição” que os EUA em certos assuntos.

“Cada parte expôs os seus pontos de vista e isso Portugal conseguiu. Foi importante explicar ao presidente norte-americano o porquê de ser importante para os EUA não criarem problemas com a União Europeia. Mesmo do ponto de vista da defesa, a Europa tem uma importância crucial para os EUA”, referiu.

O chefe de Estado português prosseguiu dizendo que este foi um “encontro muito positivo”, “porque havia uma disponibilidade para ouvir e para falar” de ambos os intervenientes.

 

.x.x.x.

PS: Quanta diferença de Temer, o risadinha, diante do vice-presidente dos Estados Unidos, na recepção no Brasil. Risadinha se comportou como um subalterno, coerente com a política que implementou desde que assumiu o Planalto. Veja a foto:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!