VÍDEO: Prefeito de Mongaguá, que perdeu o irmão e o pai para a covid, chora ao justificar medidas restritivas

O prefeito Márcio Melo Gomes perdeu o pai e o irmão para a covid em menos de uma semana. Foto: Reprodução

O prefeito de Mongaguá, Márcio Melo Gomes (Republicanos), chorou em live ao lembrar da morte do pai e do irmão pela covid-19.

O prefeito justificava a comerciantes o motivo das medidas restritivas e afirmou, chorando:

“Como eu queria hoje sair desta live e poder ouvir do meu pai e do meu irmão assim: ‘eu quebrei, o meu comércio quebrou’. Sabe por que? Porque nós já quebramos e com a vida nós conseguimos dar a volta por cima. E eu não vou ouvir deles isso mais porque, infelizmente, por essa doença, eles perderam a vida”.

O pai, Givaldo Alves (64), e o irmão, Givaldo Melo (33), do prefeito morreram respectivamente nos dias 22 e 28, com menos de uma semana de intervalo.

Márcio Melo afirma que não queria “quebrar” ninguém e que “não existe nada mais precioso do que a vida”.

Mongaguá é uma das cidades do litoral paulista e, assim como seus vizinhos, enfrenta um colapso de saúde.

O município litorâneo não tem mais leitos de UTI e transfere seus pacientes para hospitais da região.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!