VÍDEO: Queiroga imita Bolsonaro, se irrita com repórter e abandona coletiva após pergunta sobre Covaxin

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, abandonou uma entrevista coletiva, nesta quarta-feira (23) no Palácio do Planalto, após ser perguntado a intenção do governo de comprar a Covaxin, vacina indiana contra a Covid-19.

Queiroga disse a jornalistas que o Ministério da Saúde “não comprou sequer uma dose da vacina Covaxin”.

Quando um dos repórteres perguntou se o governo compraria o imunizante com o preço acima da média, o ministro resolveu imitar seu chefe, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), e destratou o jornalista.

“Eu falei em que idioma? Falei em português. Então, não foi comprada uma dose sequer da vacina Covaxin nem da Sputnik. Futuro é futuro”, afirmou, irritado.

Escoltado pela deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP), a puxa-saco número 1 do governo Bolsonaro, Queiroga saiu andando e deixou a entrevista.

Veja abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!