VÍDEO: Revoltado com as condições de trabalho, médico quebra posto de saúde no ES

Segundo o subsecretário de Saúde de Cariacica, Jocemir Joaquim da Silva, o médico trabalha como clínico geral do posto há mais de 20 anos e não será preso, nem afastado. Mais calmo, o médico disse à prefeitura que vai ressarcir tudo o que quebrou.

“Foi por causa de condições de trabalho. Nós chegamos aqui, ouvimos ele, vamos ouvir agora a supervisora e colegas de trabalho para saber o que houve. O médico disse que ele queria um lugar para trabalhar, a sala estava ocupada. Sempre foi um profissional excepcional, tem uma história bonita no município. Pedimos ele para ir para a casa descansar e depois voltar para conversar e trabalhar”, disse.