VÍDEO: Seguranças da Assembleia de Deus de Porto Alegre espancam morador de rua

A Igreja Assembleia de Deus da rua General Neto, em Porto Alegre, informou ter recebido o vídeo e confirmou que os homens que aparecem espancando o morador de rua são funcionários da empresa terceirizada que presta serviços à instituição. A direção do templo salienta que repudia esse tipo de ação e confirmou que, por isso, vai cancelar o contrato.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!