Votaram no ex-capitão porque se julgavam ‘salvadores da pátria’. Desgraçaram a pátria. Por Afrânio Silva Jardim

Jair Bolsonaro. Foto: Evaristo Sá/AFP

Publicado originalmente na fanpage de Facebook do autor

POR AFRÂNIO SILVA JARDIM, mestre e livre-docente em Direito Processual Penal pela UERJ

ELES E ELAS VOTARAM NO EX-CAPITÃO, QUE PUBLICAMENTE DEFENDIA A TORTURA, PORQUE SE JULGAVAM OS “SALVADORES(AS) DA PÁTRIA”… CONCLUSÃO: DESGRAÇARAM A PÁTRIA !!!

MAIS: DESMORALIZARAM O MINISTÉRIO PÚBLICO PERANTE A OPINIÃO PÚBLICA.

SERIAM “ANALFABETOS POLÍTICOS” OU ELEITORES AMANTES DO FASCISMO ???

E AGORA, O QUE VÃO DIZER OS QUE, PERTENCENTES AO SISTEMA DE JUSTIÇA CRIMINAL, APOIAVAM ESTE PRESIDENTE DESONESTO E FASCISTA ???

Muitos de vocês foram responsáveis, ainda que indiretamente, pela criação deste “monstro” e da ascensão do fascismo ao poder em nossa pátria !!!

O ex-ministro Sérgio Moro sai do governo denunciando possíveis crimes do atual presidente da república.

Ele exonerou o Diretor Geral da Polícia Federal em razão de investigações policiais que envolviam o seu “entorno” e poderiam chegar a ele.

O ex-capitão teria dito a Sérgio Moro que desejava receber informações e relatórios das investigações da Polícia Federal, ainda que sigilosas e que estivessem no âmbito do STF.

Moro disse que o ex-capitão tosco e truculento quis interferir na Polícia Federal, inclusive, receber informações sobre investigações sigilosas.

Vejam o que escrevi sobre este lamentável apoio do sistema de justiça ao ex-capitão desequilibrado e bizarro:

E AGORA, O QUE VÃO DIZER OS QUE, PERTENCENTES AO SISTEMA DE JUSTIÇA CRIMINAL, APOIAVAM ESTE PRESIDENTE DESONESTO E FASCISTA ???

Muitos de vocês foram responsáveis, ainda que indiretamente, pela criação deste “monstro” e da ascensão do fascismo ao poder em nossa pátria !!!

O ex-ministro Sérgio Moro sai do governo denunciando possíveis crimes do atual presidente da república.

Ele exonerou o Diretor Geral da Polícia Federal em razão de investigações policiais que envolviam o seu “entorno” e poderiam chegar a ele.

O ex-capitão teria dito a Sérgio Moro que desejava receber informações e relatórios das investigações da Polícia Federal, ainda que sigilosas e que estivessem no âmbito do STF.

Moro disse que o ex-capitão tosco e truculento quis interferir na Polícia Federal, inclusive, receber informações sobre investigações sigilosas.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!