Lula: “Eu me senti um prisioneiro”