O DCM vai contar a história do dono do avião que caiu com Teori — e conta com você

carlos-alberto-filgueiras-emiliano

 

O DCM vai contar a história de Carlos Alberto Fernandes Filgueiras, o dono do hotel Emiliano e do avião que caiu em Paraty causando a morte dele, de Teori Zavascki, da massoterapeuta Maíra Panas, de sua mãe, Maria, e do piloto Osmar.

É nossa nova iniciativa de crowdfunding. Clique aqui para colaborar. 

Filgueiras, como você viu na primeira reportagem que publicamos, era um mestre na arte de fazer amizades e influenciar pessoas.

Lobista, rico, dono de um empreendimento de alta visibilidade, cultivava uma certa discrição, que aumentou à medida em que ganhava mais dinheiro — e por razões que vão ficando aparentes.

Os processos na Justiça dizem respeito a seus diferentes ramos de atuação. Foi sócio de Roberto Carlos na construção de um flat, esteve em garimpos na Amazônia, foi sócio do BTG Pactual.

Qual sua relação com Teori? Como começou de fato a amizade? O que ligava os dois homens? Quais os conflitos de interesse?

Por que a mídia enterrou o assunto?

Em maio de 2006, o ex-ministro do STF estava no Superior Tribunal de Justiça e foi relator de um recurso que interessava diretamente a Filgueiras: a Prefeitura de São Paulo queria receber de Filgueiras IPTU que considerava sonegado e tentou executar a dívida, dada como certa pela Justiça em primeira instância. 

Você poderá financiar a feitura do perfil completo dele e entender um pouco mais as relações de poder no Brasil. 

A série de reportagens será tocada pelo jornalista Joaquim de Carvalho, autor do “Helicoca” e da “Lista de Furnas”, outros projetos do DCM. 

O dinheiro servirá para custear o trabalho de Joaquim, incluindo viagens a Paraty e a outros locais onde seja necessária sua presença.

Contamos com você.