Bolsonaro chama governadores de “comunistas” e “protótipos de ditadores”

Texto publicado por Bolsonaro no Facebook

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou nesta segunda-feira (12) um texto ridículo.

Após o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) divulgar um áudio em que Bolsonaro o pressiona a incluir governadores e prefeitos na CPI da Covid, o ex-capitão aproveitou para chamá-los de “comunistas” e “protótipo de ditadores”.

“Hoje você está tendo uma amostra do que é o comunismo e quem são os protótipos de ditadores, aqueles que decretam proibição de cultos, toque de recolher, expropriação de imóveis, restrições a deslocamentos, etc.”, afirma.

No mesmo texto, publicado em sua conta do Facebook, ele relembra o caso da facada e diz: “Se a facada tivesse sido fatal, hoje você teria como presidente Haddad ou Ciro. Sua liberdade, certamente, não mais existiria.”

A declaração é acompanhada de um vídeo pretensioso com algumas falas polêmicas do presidente, incluindo uma dada em 1999 ao programa Câmera Aberta, em que defende a tortura e uma nova ditadura, com a morte de 30 mil pessoas.

Outro trecho mostra o presidente do PTB, Roberto Jefferson, condenado por corrupção, defendendo Bolsonaro: “Eu não vou roubar e não vou deixar roubar”.

“Nos momentos difíceis deve-se unir forças, nunca ofender exatamente aquele que pode ser decisivo nesse salvamento. Se a facada tivesse sido fatal, hoje você teria como presidente Haddad ou Ciro. Sua liberdade, certamente, não mais existiria. Não desagregue, some, acredite… Convença aqueles que estão ao seu lado a defender a Constituição, em especial seu art. 5°, a nossa Bandeira verde e amarela… Hoje você está tendo uma amostra do que é o comunismo e quem são os protótipos de ditadores, aqueles que decretam proibição de cultos, toque de recolher, expropriação de imóveis, restrições a deslocamentos, etc. Cada vez mais a população está ficando sem emprego, renda e meios de sobrevivência… o caos bate na porta dos brasileiros. Pergunte o que cada um de nós poderá fazer pelo Brasil e sua liberdade e… prepare-se”, diz ele no Facebook.