Bolsonaro planeja usar marco dos mil dias para tentar recuperar popularidade

Bolsonaro pode ir para o PL
Bolsonaro – Foto: Reprodução

Afundando nas pesquisas, Bolsonaro planeja uma sequência de eventos para celebrar a semana em que completa mil dias de mandato. A ideia é recuperar sua popularidade que está no pior patamar de reprovação ao governo desde que tomou posse.

O presidente quer fazer fazer viagens para todas as regiões do país, num esforço concentrado para apresentar entregas como estradas, casas populares e até hidrelétrica. A agenda só será confirmada, no entanto, se o mandatário testar positivo para covid, já que ele esteve com Queioga em Nova York. O teste deve ser realizado neste fim de semana.

Leia também

1- Lula: “A gente não vai ganhar voto xingando as pessoas”

2- Felipe Neto pede ação da polícia sobre caso Nego do Borel: “Se depender da Record o cara ainda ganha”

Em busca da popularidade

Segundo o Datafolha divulgado na semana passada, 53% da população considera a gestão do presidente ruim ou péssima, um novo recorde.

No dia 27 de setembro, quando o governo completa mil dias, o plano é fazer um ato no Planalto. A informação é da Folha.

O chefe do Executivo está sendo aconselhado a participar dos eventos mais vistosos, como inaugurações de hidrelétrica ou rodovias. Mas caberá ao próprio Bolsonaro a escolha das cidades e dos eventos que participará.

Segundo auxiliares palacianos, o chamado “entregaço” já vinha sendo organizado há pelo menos quatro meses. Foram concentradas todas as entregas de ministérios previstas para setembro em uma única semana.