Brigadeiro golpista agora apoia ofensas a negros nas redes

Print dos posts compartilhados pelo brigadeiro golpista
Print dos posts compartilhados pelo brigadeiro golpista

Ele já foi chamado de ‘babaca’ por Felipe Neto por ameaçar um golpe de Estado no Brasil.

É desprezado pela sociedade por ser elitista e não ter sensibilidade social.

Agora Carlos de Almeida Baptista Júnior conseguiu se superar. O Comandante da Aeronáutica é racista também, e não faz questão de esconder isso nas redes.

Leia também:

 “Vai ameaçar a puta que pariu, babaca”: Felipe Neto enquadra brigadeiro golpista

Baptista Júnior curte posts do presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, criticando militantes do movimento.

Como observou o colunista Guilherme Amado, do portal Metrópoles, em um dos posts endossados pelo comandante, no dia 19 de setembro, Camargo chamou militantes de “afromimizentos” e agradeceu ao presidente Bolsonaro por permiti-lo fazer com que a Fundação Palmares deixasse de ser uma “senzala vitimista”.

 

 

 

Pretos não precisam do movimento negro

 

No início do mês Baptista Júnior curtiu outro tuíte em que Camargo disse que, para prosperar, “pretos não precisam do movimento negro, precisam de valores”.

Sinceramente? Não era para surpreender ninguém, vindo desse cidadão.