Djokovic vence na Justiça australiana e poderá competir, ainda sob risco de deportação

Veja o Djokovic
Djokovic

Após ter seu visto cancelado na chegada a Melbourne, Novak Djokovic apelou à Justiça local e, após audiência realizada nesta segunda (10), ganhou o direito de entrar na Austrália e, consequentemente, de disputar o Australian Open. Essa informação é da reportagem de Alexandre Cossenza em sua reportagem no UOL.

LEIA MAIS:

1 – Omissão do Estado com descaso de mineradoras criou ‘terrorismo de barragem’ em Minas, diz especialista

2 – Todos os mortos de Capitólio estavam na mesma lancha, chamada ‘Jesus’

3 – Ator Bob Saget, de ‘Três é Demais’, é encontrado morto em hotel

O que foi decidido sobre Djokovic

Essa decisão foi proferida pelo juiz federal Anthony Kelly, que ouviu os advogados de ambas partes em uma concorridíssima audiência que foi exibida ao vivo pela internet e teve até problemas técnicos causados pela quantidade de pessoas que tentavam acessar a transmissão simultaneamente.

No seu pronunciamento, o juiz Kelly ordenou, às 17h16min locais (3h16min de Brasília) desta segunda-feira, que Djokovic fosse liberado do confinamento em até 30 minutos e que seu passaporte fosse devolvido o mais rápido possível.

Esse caso judicial, porém, pode não estar totalmente decidido.

Depois de ouvir a decisão do juiz, o advogado do governo australiano, Christopher Tran, informou o magistrado de que o ministro de Imigração, Cidadania, Serviços a Imigrantes e Relações Multiculturais ainda consideraria a possibilidade de exercer seu poder pessoal de cancelar o visto concedido a Djokovic.

Caso isso ocorra, o tenista sérvio pode ficar sem poder entrar na Austrália por três anos.

Sorteio das chaves do Australian Open será realizado na sexta-feira, e Djokovic, número 1 do mundo e atual campeão do evento, será o principal cabeça de chave se nada mudar até lá. O sérvio lidera as cotações das casas de apostas para levantar o troféu em Melbourne mais uma vez.

Veja a sessão na Justiça.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link