Após prévias, Doria é quem terá o comando do PSDB; Entenda

Veja o Doria
João Doria Jr.. Foto: Wikimedia Commons

João Doria Jr. venceu as prévias do PSDB e está no comando da legenda. Esse é o entendimento nos bastidores, mesmo com as falhas técnicas no aplicativo e as confusões entre tucanos.

LEIA MAIS:

1 – O mundo em pânico e juiz compara obrigação de vacina a estado de sítio. Por Lenio Streck

2 – VÍDEO: ‘Seu otário’, diz Bolsonaro a garoto que perguntou sobre cartão corporativo da Presidência

3 – DCM Café da Manhã: Com Bolsonaro e Guedes, a fome chega ao SUS

O que dizem de Doria?

Um tucano aliado de Eduardo Leite, que perdeu a disputa interna para o governador de São Paulo diz o seguinte: “A iniciativa agora é 100% do Doria, os movimentos políticos partirão dele, ele é o eixo de comando. Mesmo o Bruno Araújo, presidente do partido, e a executiva nacional ficarão eclipsados”.

“Ao vencedor, as batatas. João está com as batatas”, acrescentou, em referência ao clássico Quincas Borba, de Machado de Assis.

Ele diz que o governador vai ter que se viabilizar, mas não poderá se esquecer do que dizia Tancredo Neves: ‘Presidência não é só vontade, é destino’. Ele ‘soube usar todo o poderio do diretório de São Paulo, que é o mais organizado e tem maior contingente’.

“As prévias foram um gesto corajoso, ousado. Desde a derrota em 2018, o partido estava em um estado de letargia, de perplexidade e com um vácuo de liderança. Mesmo com todos os problemas técnicos, o PSDB ressurgiu das cinzas, com espaço na mídia, o que revalorizou a nossa marca.”

Sobre os bolsonaristas tucanos, essa fonte ponderou que não considera que haja no partido mandatários alinhados ao governo de Jair Bolsonaro por ideologia. “É pragmatismo, é orçamento secreto. Quando votam a favor da PEC dos Precatórios, por exemplo, não é para agradar Bolsonaro, é para agradar Arthur Lira.”

Sobre Leite, o tucano afirmou que “agora, a Inês é morta”.

“Ele vai cuidar do Rio Grande do Sul, vai pescar, esperar a poeira baixar. Ele não tem nada o que fazer agora. É concluir o mandato como governador e pronto. Ele é muito jovem. Leite saiu muito maior do que entrou nas prévias. Ele se consolidou como a grande novidade da nova geração de políticos brasileiros”.

“Se ele [Leite] vai abandonar de vez o Doria e o partido, não sabemos. Vai depender muito do Doria, da postura do Doria, de saber se o Doria vai querer realmente ser ajudado”.

Essas informações são do site de extrema direita O Antagonista.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link 

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link