Apoie o DCM

“Temos um delinquente contumaz na Presidência da República”, diz Randolfe sobre Bolsonaro

Randolfe Rodrigues disse que levou um soco de Jair Bolsonaro em 2013.
Foto: (Foto: Márcia Foletto/Agência O Globo)

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid, chamou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de “delinquente contumaz”.

Na mesma publicação, em sua conta no Twitter, o parlamentar anunciou que a mais nova declaração absurda do mandatário será incluída no relatório da comissão.

Leia também:

1 – Bolsonaro cancela reunião com caminhoneiros e deputado diz que governo “trabalha para banqueiro e investidor”

2 – Áudio revela influência de banqueiro sobre Arthur Lira

3 – Motorista dá invertida em passageira que perguntou como ele dirigia o ônibus “sendo gay”

Em live na última quinta-feira (21), Bolsonaro superou. Com base em um site conspiracionista, ele disse que pessoas imunizadas com duas doses da vacina estão desenvolvendo a Síndrome de Imunodeficiência Adquirida (AIDS) muito mais rápido do que o previsto.

“Temos um delinquente contumaz na Presidência da República! Informo que incluiremos, no relatório da CPI, a fala mentirosa e absurda de Bolsonaro associando a vacina contra a Covid-19 à Aids”, escreveu Randolfe.

Fake News espalhada por Bolsonaro

O presidente insiste na tese de que a queda da eficácia da vacina se deve a uma queda da imunidade porque o seu sistema imune está se deteriorando pelas vacinas.

“Não faz nenhum sentido”, diz Letícia Sarturi,  professora titular na Universidade Paulista.

Confira a fala de Bolsonaro abaixo:

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Para entrar em nosso canal no Telegram, clique neste link