Enfermeiro que receitava cloroquina e atacava vacina morre de Covid-19

Publicado em 19 abril, 2021 7:02 pm
O enfermeiro, em sua página na rede social, postava diversos de vídeos negando poder de letalidade da COVID-19
Internet

De Renata Cristiane em O Dia.

O enfermeiro cabo-friense, Anthony Ferrari Penza, de 45 anos, morreu vítima da Covid-19 no final da noite deste domingo (18). Ele ficou conhecido na Região dos Lagos e em todo Brasil pelos vídeos polêmicos onde se dizia médico atuante em Cabo Frio, e fazia discurso negacionista sobre a pandemia do coronavírus.

LEIA – ‘Cascavel’ e ‘Capitã Cloroquina’: quem são os assessores de Pazuello que podem derrubar Bolsonaro da Presidência

Antony, que arregimentou milhares de seguidores na internet se fazendo passar por médico, usando inclusive jaleco e estetoscópio no pescoço em todos os seus os vídeos, foi parar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no bairro Parque Burle, após complicações da doença. No dia 8 deste mês, ele precisou ser transferido para uma Unidade de Pacientes Graves (UPG) no Hospital Otime Cardoso dos Santos, no Jardim Esperança.

LEIA MAIS – Há um mês no cargo, Queiroga mantém adeptos ao “tratamento precoce” na Saúde, como a capitã cloroquina

Com quadro de saúde ainda mais agravado, Ferrari foi transferido às pressas para a Unidade Pré-Hospitalar de Saracuruna, no 2º distrito de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense na semana passada. Em boletim médico divulgado na quinta-feira (15), o estado de saúde do enfermeiro era considerado muito delicado.

O também ex-candidato a vereador não resistiu e foi a óbito. A informação foi confirmada pela Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Duque de Caxias, mas a família nega, dizendo que Ferrari está em estado grave.

Anthony Ferrari era um grande defensor do tratamento precoce da Covid-19, com uso de cloroquina e ivermectina. Ele chegou a se candidatar a vereador de Cabo Frio pelo Partido Social Democrático (PSD) nas eleições municipais de 2020 e teve 164 votos.

No início dos vídeos polêmicos publicados por Anthony nas redes sociais, ele afirmava ser médico atuante em Cabo Frio. Diante das várias denúncias e processos, Ferrari mudou o discurso, assumindo o título de enfermeiro.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!