Fantasiadas de palhaços, 150 pessoas são detidas sob suspeita de arrastão no Rio

Publicado em 13 fevereiro, 2018 11:39 am

UOL:

Cerca de 150 pessoas vestidas de bate-bola, fantasia tradicional do subúrbio do Rio de Janeiro, foram detidas nesta terça-feira (13) sob suspeita de praticar um arrastão na região central da cidade durante a madrugada.

Segundo informações da PM, policiais do Batalhão de Choque em patrulhamento foram avisados por motoristas que o grupo estava praticando assaltos.

Os bate-bolas foram abordados pelos agentes na rua Santa Luzia, no Centro, e, após revista, foram encontrados uma pistola 9 mm e um artefato explosivo de fabricação caseira, além de objetos roubados como celulares, relógios e carteiras.
Os suspeitos e as vítimas foram levados para a Cidade da Polícia, na zona norte em três ônibus. Dez suspeitos estão presos.

Bate-bolas são fantasias de palhaços com aparência assustadora. A alegoria é muito utilizada no período do Carnaval principalmente nas zonas norte e oeste da cidade.

Faz parte da fantasia andar com bolas gigantes amarradas em um pedaço de pau, que são arremessadas violentamente contra o chão para avisar que o grupo está chegando. Uma fantasia pode custar até R$ 2.000.