Juíza afirma que ex-chefe de campanha de Trump mentiu a promotores

Publicado em 14 fevereiro, 2019 7:39 am

Do Estadão:

A juíza federal Amy Berman Jackson disse nesta quarta-feira que Paul Manafort, ex-chefe de campanha de Donald Trump, mentiu aos promotores que investigam a ingerência russa nas eleições americanas de 2016, após chegar a um acordo para cooperar em troca de uma condenação reduzida.

Os promotores que trabalham para Robert Muellerinformaram em novembro à juíza Jackson, que tramita a causa contra Manafort, que ele mentiu sobre vários temas.

Apesar de Manafort negar ter mentido, Jackson  considerou provado que ele o fez em três das cinco questões que os promotores o acusavam.

A juíza disse que levará em conta as mentiras de Manafort quando for ditar sua sentença daqui a um mês, em 13 de março.

Manafort foi considerado culpado de oito delitos, incluindo fraude fiscal e bancária, no ano passado em um julgamento no Estado de Virginia, e depois se declarou culpado em outras duas acusações em relação a delitos financeiros.

(…)

Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.

Clique aqui e assine nosso canal no youtube