Mesmo após entregar a cabeça de Pazuello, Wajngarten deve ser um dos convocados da CPI da Covid

Publicado em 23 abril, 2021 11:34 am

Da Coluna de Tales Faria no UOL:

Fábio Wajngarten, secretário da Secom
Marcos Corrêa/PR

O ex-chefe da Secretaria de Comunicação do governo Fábio Wajngarten já consta da lista de prováveis convocados a depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado que investiga a responsabilidade do governo federal pelo descontrole da pandemia do coronavírus no Brasil

Até a manhã desta sexta-feira, 23, já foram registradas pelo menos 381 mil mortes pela Covid-19. Wajngarten declarou à revista Veja que, em setembro, do ano passado, quando o coronavírus já tirava a vida de 750 brasileiros por dia, ele soube que a Pfizer enviara uma carta ao governo oferecendo a venda de 70 milhões de doses de vacinas, mas que o Ministério da Saúde ignorou.

Na entrevista ele diz que levou o assunto ao presidente, que o autorizou a negociar com a farmacêutica. Teria havido diminuição no preços e melhores condições de contrato, mas, mesmo assim, o negócio não prosperou.

No comando da CPI da Covid, que detém maioria entre os integrantes do Colegiado, já circula uma lista de pessoas a serem convocadas. Fábio Wajngarten está nessa lista.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!