Presidente da ONG Rio da Paz diz que ato vandalizado por bolsonaristas foi “mais difícil da nossa história”

Publicado em 11 junho, 2020 8:54 pm

Antônio Costa, presidente da ONG Rio da Paz, afirmou que a manifestação realizada hoje (10) contra a tragédia do governo federal no combate ao coronavírus foi a “mais difícil da nossa história”.

As cruzes fincadas na areia da praia de Copacana foram derrubadas por bolsonarista em desrespeito aos mortos pela COVID-19 no Brasil.

Costa afirma que estamos vivenciando um retrocesso, pois eles nunca foram insultados durante atos nos últimos 13 anos de atos.

Assista:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!