“Estou 100% com Bolsonaro”: Luciano Huck já começa a apagar fotos com sócio no Madero

Huck e Durski, sócios no Madero, fantasiados de espermatozóide

É dura a vida de Luciano Huck, provavelmente o homem com mais amigos esquisitos desde o reverendo Moon.

Depois de apagar as fotos com Sergio Moro, Aécio, Accioly, Joesley, Tábata Amaral, FHC e outros menos votados, o apresentador da Globo e virtual candidato a presidente já orientou seu estafe a dar um fim nos retratos com Junior Durski.

Durski é sócio de Huck no restaurante Madero.

Nesta semana, ele publicou um vídeo nas redes sociais aderindo às manifestações do dia 15 de março em apoio a Bolsonaro e contra o Congresso Nacional.

“Sou muito orgulhoso do presidente que temos. Ele está fazendo tudo certo, está mostrando para que veio, com muita força, muita determinação, muita honestidade, muita coragem de enfrentar tudo que tem aí”, diz.

Huck soltou uma declaração supostamente generosa sobre o sujeito.

“O respeito por visões, ideias e crenças diferentes faz parte da amizade. O mundo é bacana porque é plural”, escreveu.

Sabe-se, no entanto, que o meninão joga ao mar qualquer um que atrapalhe seus planos.

Vai dar trabalho limpar a biografia do golden boy da Globo.

Junior Durski e Luciano Huck visitam a fábrica do Madero em Ponta Grossa. 16/10/2018 Foto: Brunno Covello

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!