Lola Aronovich desmente que vídeo associando Lula às Farc foi gravado na casa de Bolsonaro

Bolsonaro e Lula em tela dividida
Fake News envolveu Lula e Bolsonaro

A jornalista e influenciadora Lola Aronovich usou suas redes sociais hoje (27) para desmentir uma fake news. O assunto ganhou relevância ao longo dos últimos dias dando conta de que o vídeo que liga Lula às Farc teria sido gravado na casa de Bolsonaro.

Ela mostrou que trata-se de mentira.

Segundo escreveu Lola em seu perfil no Twitter, isso não poderia ser verdade por conta da base da reportagem. Na matéria que vinculou Bolsonaro ao vídeo, a conclusão se deu pela comparação do padrão dos locais. Segundo ela, o autor da denúncia comparou a live do presidente com o vídeo de denúncia, julgando ser no mesmo lugar.

“O @ThiagoResiste (q eu ñ seguia e vice-versa) gravou “bomba” dizendo q o vídeo fake associando Lula às Farc foi gravado na casa de Bolso. T. concluiu isso ao ver a live de Bolso na JP. Mas Bolso está em Manaus hj. Ñ só T. ñ corrigiu a info, como me bloqueou por apontar o erro”, escreveu.

Leia também:

1 – Ministro de Bolsonaro diz para caminhoneiros procurarem outro emprego

2 – Pesquisa confirma Lula em 1° lugar na corrida presidencial de 2022

3 – Elogios de Marta Suplicy a Lula incomodam aliados do prefeito de SP

Fake News desmentida

Como bem lembrou a influenciadora e jornalista, de fato, Bolsonaro estava em viagem, em Manaus. A live foi feita durante visita do presidente à cidade. Se ele não estava na casa dele e a comparação é pela live, logo, o vídeo não poderia ter sido gravado na residência do presidente.

O vídeo que associa Lula às Farc repercutiu nos últimos dias e já foi desmentido também. Não é esse o caminho para derrotar o fascismo.