VÍDEO: manifestantes já ecoam ‘Fora Bolsonaro’ em todo o Brasil

Boneco de Bolsonaro nos protestos em Fortaleza
Boneco de Bolsonaro nos protestos em Fortaleza

“Cai, cai, cai Bozo. Tá na hora de cair”.

No seu estilo bem humorado, os moradores de Fortaleza acordaram cedo para pedir o afastamento de Bolsonaro da Presidência.

Em ônibus, circulares, manifestantes que vão aos atos também estão convencendo a população a integrar os protestos. Eles estão acontecendo na Praça Clóvis Beviláqua (Praça da Bandeira), no centro da cidade.

Leia mais:

1. Dezenas de cidades já se concentam pelo Foro Bolsonaro

2. VÍDEO: Daniela Mercury chama para o Fora Bolsonaro com “Amanhã vai ser outro dia”

3. VÍDEO: Em Sevilha, na Espanha, manifestantes já cantam e dançam pelo “Fora Bolsonaro”

Ao jornal O Povo, o professor Roberto da Justa, médico do coletivo rebento e parte da direção do Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará (ADUFC), afirmou que o “objetivo é dar continuidade ao movimento de desconstruir o bolsonarismo, essa grave crise no país, fome, inflação e uma desconexão com as reais necessidades do povo brasileiro (…) por isso estamos aqui hoje”. “Impeachment já”.

As mobilizações contra Bolsonaro estão previstas para acontecer em mais de 300 cidades brasileiras.

No exterior, os atos já começaram em países como França, Alemanha e Espanha.

Os atos principais vão acontecer na avenida Paulista, em São Paulo, a partir das 13h.

Partidos de oposição, muitos deles antagônicos, entidades, formadores de opinião, estudantes, população em geral.

Bolsonaro conseguiu unir o Brasil contra o seu governo. É um movimento que tem força para derrubar o governo genocida.

Até o mercado já percebeu a roubada de ter apoiado o mandatário em 2018 e está de saída. Empresários já se manifestaram contra os ataques do governo às instituições e reclamam que a instabilidade política atrapalha os negócios.

Nas ruas, a população de reclama da carestia em função da alta desenfreada dos preços.

O povo mais pobre está na fila do osso para fazer a sopa do jantar.

É um governo que já não desfruta de credibilidade no país.