VÍDEO: “O silêncio confirma que a culpa existe e que a condenação virá”, disse Onyx em 2015

Um vídeo antigo do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni (Democratas), passou a circular nas redes nesta quinta-feira (13) após a Advocacia-Geral da União (AGU) pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, possa ficar calado em seu depoimento à CPI da Covid.

No registro, de 2015, Onyx disse que quem opta por ficar calado em uma CPI reconhece publicamente que sua culpa existe e que a condenação virá.

Antes do vídeo, já tinha viralizado um tuíte no qual ele afirmou que ‘ficar calado’ em CPI é algo que ‘só bandido usa’.

Veja abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!