“Vocês são patéticos”: como explicar às crianças que o PSDB já foi um partido político?

Aécio Neves quer recuperar a pauta golpista de Bolsonaro caso se reeleja deputado em 2022

Triste PSDB. Primeiro foi Vera Magalhães, a tucana mulher de tucano.

Inconsolável com a posição do partido na votação da PEC do voto impresso, quando 14 deputados votaram “Sim” e 12, “Não”, resolveu ter um lapso de consciência.

Disse que Aécio se tornou sócio do ataque à democracia.

Mais: segundo Vera, foi o mineiro quem plantou a semente do golpismo no país.

Antes tarde do que nunca.

O que Vera Magalhães constata é o que todo mundo já sabe: o PSDB ruiu como castelo de areia em tarde de ventania. Bebeu do próprio veneno e se afundou no ódio à política e aos adversários.

A situação é tão acintosa que o próprio Aécio já anunciou que vai continuar brigando pela pauta golpista de Bolsonaro caso consiga se reeleger em 2022.

“PSDB, vocês são patéticos”, definiu o YouTuber Felipe Neto, que já admitiu ter sido simpatizante da direita e difusor de discurso sectário no passado.

Felipe Neto amadureceu e vem se aprimorando.

Difícil  é explicar às crianças que esse amontoado de oportunistas já foi um partido, que teve sua importância e ajudou a construir a democracia no país.

Leia também: 

1 – Voto impresso é barrado na Câmara e Bolsonaro tem pior derrota

2 – 14 deputados do PSDB votaram pelo voto impresso e apenas 12 contra