Alckmin diz a Haddad que vai batalhar por sua vitória em SP

Atualizado em 24 de janeiro de 2022 às 10:31
A imagem de Alckmin e Haddad
Geraldo Alckmin e Fernando Haddad. Foto: Wikimedia Commons

Ex-governador Geraldo Alckmin deu a entender a Fernando Haddad que participará ativamente da candidatura que o ex-prefeito lançará para o governo de São Paulo, segundo a Coluna de Guilherme Amado no Metrópoles.

LEIA MAIS:

1 – Saiba o que é Open Health: A nova tentativa de privatização da Saúde

2 – Renan detona médico pró-cloroquina após nota da Saúde: “Delinquente”

3 – DCM Café da Manhã: Eduardo Bolsonaro é afastado da campanha pela reeleição do pai

Alckmin quer apoiar Haddad

O ex-governador disse em conversas reservadas com ex-prefeito que pretende acompanhá-lo pelo menos duas vezes por semana em agendas pelo estado.

Ex-tucano tem um acordo encaminhado para assumir a vice-presidência na chapa que Lula formará para concorrer ao Palácio do Planalto.

Ex-governador demonstrou a aliados que a parceria com Lula também é a melhor forma de derrotar João Doria, seu rival já há alguns anos. Ele vê a aliança como o fim da chance de qualquer terceira via nesta eleição.

Petistas que participam da preparação da candidatura de Haddad dão como certo que ele irá para o segundo turno contra Rodrigo Garcia, o vice-governador que Doria filiou ao PSDB para ser o seu sucessor no estado.

Haddad tem chance de ganhar do PSDB no estado. E o acordo com o ex-governador e Lula envolve essa vitória na região pelas mãos do PT.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link