Bloqueio do Telegram foi bom para Bolsonaro, segundo pesquisa

Atualizado em 24 de março de 2022 às 14:32

Imagem do símbolo do Telegram e a sombra do presidente Bolsonaro fazendo gesto de arma

O bloqueio do aplicativo de mensagens Telegram, determinado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, na sexta-feira (18), aumentou o apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL) nas redes sociais, de acordo com um levantamento feito pela .Map, agência que avalia uma amostra do universo total de 1,4 milhão de publicações diárias no Facebook e Twitter. A informação é da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

O apoio em postagens de Bolsonaro no mês de março foi de 61% e o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi de 47,6%. O atual mandatário teve cerca de 25% de presença digital, contra 13% de Lula.

O Telegram voltou a ser permitido no território nacional no domingo (20), também por Alexandre de Moraes, após a plataforma cumprir determinações exigidas pelo ministro.

Leia mais:

1. Milton Ribeiro e pastores são convidados para se explicar ao Senado

2. Lula e Leonel Radde são ameaçados de morte por neonazistas

3. VÍDEO – Mendigo que apanhou de personal simpatiza com Bolsonaro: “Votei pela facada”

Telegram acatou medidas contra fake news

O aplicativo de mensagens disse ao Supremo Tribunal Federal, no domingo (20), que adotou sete medidas para diminuir a disseminação de fake news na plataforma. Com isso, Alexandre de Moraes resolveu desbloquear o Telegram.

As providências informadas pela empresa foram: Monitoramento manual diário dos 100 canais mais populares do Brasil; Acompanhamento manual diário de todas as principais mídias brasileiras; Capacidade de marcar postagens específicas em canais como imprecisas; Restrições de postagem pública para usuários banidos por espalhar desinformação; Atualização dos Termos de Serviço; Análise legal e de melhores práticas; Promover informações verificadas.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link