Apoie o DCM

VÍDEO: Lula chama viagem de Bolsonaro à Rússia de “piada” e condena ataque à Ucrânia

Lula
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Foto: Ricardo Stuckert

Em entrevista a rádios de Brasília, o ex-presidente Lula detonou a ida do atual mandatário da República, Jair Bolsonaro, à Rússia. Bolsonaro foi a Moscou na semana passada para visitar o presidente russo Vladimir Putin, pouco antes do início do conflito entre o país e a Ucrânia.

“Parece até uma piada que o Bolsonaro foi lá e tentou passar para a sociedade que foi lá numa missão para resolver a paz. Essa coisa de guerra é complicada”, afirmou Lula.

LEIA MAIS:

1 – VÍDEO: Ucrânia distribuirá armas a “qualquer um que queira”, diz Zelensky
2 – Caos em Kiev: Milhares de pessoas deixam capital após ataque da Rússia
3 – VÍDEO: Tropas e tanques entram na Ucrânia pela Bielorrússia

Lula condena invasão russa à Ucrânia

O petista também condenou o ataque da Rússia, que anunciou a invasão ao país vizinho nesta quinta-feira (24) e reconheceu a independência de regiões separatistas.

“É lamentável que na segunda década do século 21 a gente tenha países tentando resolver suas diferenças através de tiros, bombas e ataques quando isso deveria ser resolvido atras de mesas de negociações”, declarou.

“É importante que essas pessoas aprendam que guerra não leva a nada, a não ser ao desemprego, a fome. O ser humano tem de criar juízo e resolver suas diferenças em mesas de negociações, não em campos de batalha”, acrescentou o ex-presidente.

“ONU poderia ter evitado essa guerra”

Lula lamentou o que chamou de ação “decorativa” das Nações Unidas. Ele ressaltou que o órgão poderia ter tomado uma atitude contra Vladimir Putin.

“É importante que se aumente a capacidade de governança da ONU. Que não seja uma instituição apenas decorativa. Ela poderia ter tomado decisões para evitar essa guerra”, disse ele.

Confira trecho da fala de Lula:

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link