Filha de Che Guevara envia cerâmica do pai para hospital em Maricá

Atualizado em 17 de dezembro de 2021 às 16:24
João Pedro Stédile e Fabiano Horta
João Pedro Stédile e Fabiano Horta. Foto: Reprodução

A filha do revolucionário Ernesto Che Guevara, Aleida Guevara, presenteou o hospital que leva o nome do pai com uma imagem do guerrilheiro pintada em cerâmica. O novo adereço foi entregue ao prefeito de Maricá, Fabiano Horta (PT), na terça-feira (14), elo emissário e líder do MST, João Pedro Stédile, com o pedido de Aleida para afixá-lo no hospital.

A obra reforça o simbolismo do nome escolhido pela gestão de Maricá para o espaço: um hospital com medicina humanista, que assegura o direito de todos a serviços de saúde de qualidade, como almejado por Che Guevara.

Aleida, que é médica pediatra esteve em Maricá para acompanhar a construção do Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara em duas ocasiões, em 2016 e 2018. Durante as visitas, ela conheceu todas as dependências internas quando ainda em obras.

Leia também:

1- Barroso quer reunião com Telegram para combater disseminação de fake news

2- Fux toma decisão e réus da boate Kiss não vão ser soltos

3- Sistema falha e voos são cancelados em Cumbica; 2 mil pessoas são afetadas

Prefeito de Maricá agradeceu imagem de Che Guevara

Em suas redes sociais, o prefeito Fabiano Horta destacou como especial a lembrança da filha de Che, assegurando que o presente será afixado na unidade de saúde.

“Recebi uma linda cerâmica com o rosto do Che Guevara estampada, uma grata surpresa! A pintura artística foi enviada pela filha desta figura revolucionária de nossa história, e com um pedido especial: que ela seja instalada em nosso hospital, o Che. Um valor simbólico gigante e uma bela homenagem”, afirmou.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link