VIDEO: Guedes cita prisão de ex-presidente para justificar dólar a mais de R$ 5

Paulo Guedes na Câmara dos Deputados
Paulo Guedes explica dólar a R$ 5. Foto: Reprodução

Nesta terça (23), Paulo Guedes foi questionado sobre sua fala de que só se fizesse “muita besteira” o dólar iria a R$ 5. Ele diz que pediu, “por curiosidade”, um levantamento dos maiores movimentos de câmbio durante seu período no governo.

“Mandei ver o que aconteceu, nos últimos 3 anos, quando o dólar subiu mais do que 2%. Foram 27 ocasiões, nenhuma pela economia. Foi sempre assim: Covid, Sergio Moro sai do governo, ex-presidente Michel Temer é preso. Foi só política ou doença, que são os eventos mais contundentes”.

No início de R$ 2020, o ministro da Economia foi questionado sobre a possibilidade do dólar chegar a R$ 5. Em resposta, afirmou: “É um câmbio que flutua. Se fizer muita besteira pode ir para esse nível. Se fizer muita coisa certa, ele pode descer”.

O dólar está custando atualmente R$ 5,64. Sinal de que o sinistro fez “muita besteira”.

Leia mais:

1 – Depois de turnê na Europa, Lula deve viajar aos EUA

2 – Em evento bolsonarista, Aldo Rebelo reclama de linguagem neutra

3 – Após matar 2 ativistas, Kyle Rittenhouse diz que apoia o Black Lives Matter

Guedes depõe na Câmara

O ministro da Economia depõe na Câmara dos Deputados nesta terça (23). Ele é ouvido na Câmara dos Deputados na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público. Deve prestar esclarecimentos sobre a Dreadnoughts International, offshore nas Ilhas Virgens Britânicas.

 

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link