Live das 5 – Causa da morte da mãe de Luciano Hang foi fraudada para omitir Covid

Luciano Hang, o Véio da Havan

Luciano Hang é assunto. AO VIVO. Kiko Nogueira entrevista Marcos Caseiro.

LEIA MAIS:

1 – Com Bolsonaro seremos confundidos com os que apoiaram as loucuras de Hitler. Por Rudá Ricci

2 – Bolsonaro ficou furioso com Anvisa: “Estão achando que sou argentino?”

Caso Hang

O caso Prevent Senior, mistura de bolsonarismo e medicina criminosa, vai se tornando cada vez mais tenebroso.

Um dossiê feito por 15 médicos que afirmam ter trabalhado para a operadora de saúde aponta que a declaração de óbito da mãe do empresário Luciano Hang, Regina Hang, “foi fraudada”.

O relato sobre Regina está no capítulo “Da suposta fraude nas declarações de óbito” da documentação entregue à CPI.

O relator da comissão, Renan Calheiros, abordou o episódio na sessão desta quarta, 22. “Há uma farsa que será desmascarada aqui”, falou. “Vamos provar que ele pediu: ‘Escondam que minha mãe foi tratada com cloroquina, para não desmerecer a eficácia’. Ele a levou para ser tratada no hospital com cloroquina, e a Prevent Senior ocultou isso”.

Em vídeo no Instagram de 5 de fevereiro, o empresário bolsonarista relatou que a mãe estava assintomática e com “quase 95% do pulmão tomado” quando foi hospitalizada no Sancta Maggiore, da rede Prevent Senior.

De acordo com os documentos, ela deu entrada em 31 de dezembro e veio a óbito em 3 de fevereiro. No prontuário havia informação sobre o início de sintomas, em 23 de dezembro, e adoção do “tratamento precoce” com hidroxicloroquina, azitromicina e colchicina antes da chegada à Prevent Senior. Após a internação ela teria recebido ivermectina e tratamentos experimentais.

Na legenda, Hang escreveu que “até ser diagnosticada com covid-19, eu nunca dei nenhum medicamento para prevenção a minha mãe”.

“Eu me questiono: será que se eu tivesse feito o tratamento preventivo, eu não teria salvado a minha mãe?”.

Os doutores dizem que “o prontuário médico da sra. Regina Hang prova que ela utilizou o kit antes de ser internada e que repetiu o tratamento durante a internação, assim como registram que seu filho, sr Luciano Hang, tinha ciência dos fatos”.

Em 2020, o DCM publicou uma matéria de Renan Antunes de Oliveira sobre o pai de Hang. 

VEJA A LIVE DAS 5