Chapa Lula-Alckmin vence no 1º turno, diz PSB

Lula e Alckmin de braços dados
Lula e Alckmin devem vencer no primeiro turno, diz PSB

O PSB está empolgado com a possibilidade de haver uma chapa entre Lula e Alckmin para 2022. Tanto que a sigla vem fazendo uma série de pesquisas internas sobre o assunto e já mandou um recado para o, ainda tucano. Na visão dos caciques da legenda, com Geraldo de vice, Lula vence no primeiro turno.

Um interlocutor do PSB confirmou as informações ao DCM. “Uma pesquisa interna mostra que Lula cresce em SP com Alckmin”, afirmou um filiado do partido. De fato, como mostrou reportagem do DCM, o salto é entre 4 e 5% no principal estado do país em número de eleitores. Mas isso seria suficiente para fazer o petista liquidar a fatura já no primeiro turno? Na visão deles, sim.

“O PSB está empolgado e tem três pesquisas que caminham na direção. Lula sozinho tem cerca de 46% dos votos”, afirma a mesma fonte. “Quando Alckmin é colocado na cartela como vice, o ex-presidente sobe para até 53%”. Estes dados seriam suficientes para fazê-lo vencer ainda no primeiro turno.

Leia também

1 – Além de Simone Tebet, Sergio Moro visa novo nome para ser vice

2 – Saiba como votou cada senador na PEC dos Precatórios

3 – Paulo Guedes diz que queda do PIB é culpa da crise hídrica

Lula-Alckmin barra Moro

O DCM apurou que essas pesquisas internas do PSB e do PT convergem para o mesmo lugar. O nome de Alckmin como vice de Lula, além de transferir votos para o petista, também barra a candidatura de Moro. “Pessoas que votam em Moro num cenário, migram para Lula quando ele está com Alckmin”, explica. Esse dado em especial vem chamando a atenção dos caciques de ambos os partidos.

Nos bastidores, tanto os petistas quanto os psbistas estão empolgados com os dados. A aproximação entre Lula e Alckmin também é vista com bons olhos, mas todos ainda estão tratando o acordo com prudência. Do lado do PT seria importante vencer no primeiro turno, mas a escolha do vice não passaria só por aí. “Precisa de alguém que a gente confie e que esteja no mesmo projeto”, conta um filiado do partido. Do outro lado, o PSB não parece abrir mão do que quer. “Eles terão de abrir mão de alguns estados”.