Lula escreve perfil de Luiza Trajano em edição especial da Time sobre os mais influentes

Luiza Trajano. Foto: Wikimedia Commons

A revista americana Time incluiu Luiza Trajano, presidente do conselho do Magazine Luiza, na lista de pessoas mais influentes de 2021.

O perfil da empresária publicado na revista foi escrito pelo ex-presidente Lula.

Luiza está entre as 100 pessoas selecionadas pela publicação, que é referência mundial.

Leia o que Lula escreveu sobre a empresária:

Em um mundo de negócios ainda dominado por homens, a brasileira Luiza Trajano conseguiu transformar o Magazine Luiza, que começou como uma única loja em 1957, e se tornou um gigante do varejo com dezenas de bilhões de dólares. É uma grande conquista – dentre muitas.

Quando a Covid-19 chegou ao Brasil, matando mais de 580 mil brasileiros e causando uma recessão, o Magazine Luiza ajudou as pequenas empresas a se adaptarem ao comércio digital, fornecendo uma plataforma para vender e entregar seus produtos.

Em um momento em que o governo federal brasileiro minimizava o risco que a pandemia representava, Luiza corajosamente falou sobre a urgência da vacinação.

Ela também foi uma defensora vocal da igualdade, criando o Mulheres do Brasil, um grupo apartidário de mais de 95.000 mulheres que trabalham para construir uma sociedade melhor e apoiar as vítimas de violência doméstica.

No final de 2020, em um esforço para promover a inclusão dentro do Magazine Luiza, lançou um programa de trainees que oferece oportunidades para os afro-brasileiros.

Em um mundo onde bilionários queimam fortunas em aventuras espaciais e iates, Luiza se dedica a um tipo diferente de odisséia.

Ela assumiu o desafio de criar um gigante comercial e ao mesmo tempo construir um Brasil melhor.

Mais sobre o assunto:

1. Com a direita de banho tomado sem rumo, Cantanhêde lança empresária para 2022
2. Magazine Luiza compra Kabum! por R$ 1 bi, maior aquisição da história da empresa

3. Filho de Trajano compra 25% do site de política Poder360

Em plena pandemia, veja as bilionárias brasileiras

Em meio à pandemia de covid-19, os chamados “super-ricos” aumentaram em 32% neste ano, passando de 238 para 315.

Sendo 60 dessas posições ocupadas por mulheres, um crescimento feminino de 36% em comparação a 2020, de acordo com o levantamento feito pela revista “Forbes”.

Viúva do banqueiro Joseph Safra, Vicky Sarfati Safra é a mulher mais rica do Brasil. Com ela, as mulheres representam 19% da fatia total de bilionários no país.

O aumento na quantidade de brasileiras bilionárias vem de anos. Em 2016, elas eram 32.

Entre as mais conhecidas, Luiza Helena Trajano, empresária da Magazine Luiza, e dona de um patrimônio estimado em R$ 23,5 bilhões.

O top 10 do ranking feminino deste ano deixa de contar com a participação das irmãs Valsi, Cladis e Miriam, filhas de Werner Ricardo Voigt, cofundador da empresa WEG, de Joinville (SC).

 

Leia mais:

1 – Apesar de proibição de visitas, filho de Olavo de Carvalho vai ao quarto do pai no Incor sem máscara

2 – Público grita ‘Fora Bolsonaro’ em show de Caetano Veloso em Paris

3 – Filha de Michelle Bolsonaro vira revendedora dos produtos de Agustin, amigo da primeira-dama

4 – Vaza foto de Flordelis na prisão acusada de mandar matar o marido

5 – Padilha dá conselho para Lula sobre atos de 7 de setembro; entenda