Policiais fingem perseguição para usar sirene e comprar sorvete

Mulher policial gravando vídeo
Policial militar grava “brincadeira” para conseguir comprar sorvetes

O vídeo divulgado por uma policial militar despertou indignação de muitas pessoas e fez com que o Comando da Polícia Militar de São Paulo determinasse que a Corregedoria investigue a atitude dos policiais. A situação aconteceu em Barueri, São Paulo.

O vídeo que passou a circular há poucos dias, começa com imagens internas de uma viatura, que é conduzida em alta velocidade em uma rodovia, em meio ao trânsito. E como se policiais estivessem em uma perseguição, a sirene do carro é acionada.

Na sequência, com imagens da estrada mais livre, a soldada agradece pela colaboração dos motoristas e mostra o rosto para tranquilizar a audiência. “Parabéns para vocês que acompanharam o ‘stories’ até aqui, mas não era nada, não”, disse a policial Ligia Lima.

O vídeo termina com um PM abrindo a porta traseira da viatura para que a soldada colocasse embalagens de supermercado dentro do veículo. A policial explica o motivo da correria. “Achei que não ia dar tempo de comprar meu sorvete. Achei que ia fechar”, diz.

Leia também

1- Principal cacique do MDB falta em lançamento da candidatura de Simone Tebet

2- André Mendonça prega culto em auditório da Câmara antes mesmo de assumir no STF

3- Presidente é tema de filme sobre discurso de ódio, desinformação e manipulação

A nota da PM sobre o vídeo divulgado pela policial

Em nota enviada ao jornal “Folha de S.Paulo”, a Polícia Militar diz não compactuar com as atitudes dos policiais. ”

“A Polícia Militar não compactua com desvios de conduta. E as responsabilidades em todas as esferas de direito estarão discorridas na conclusão da apuração”, afirma o texto.

A dupla corre o risco até de ser demitida da corporação. E servir de exemplo na norma interna que a Polícia Militar de São Paulo prepara para regulamentar o uso das redes sociais pela tropa.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link.

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link.