Queda da Live de Bolsonaro teria sido plano para alegar censura

Bolsonaro
Live do presidente Bolsonaro caiu

A live do Bolsonaro foi interrompida nesta quinta (16) logo após o presidente fazer propaganda de remédios sem eficácia contra a Covid-19. Grupos bolsonaristas começaram a se planejar para chamar o episódio de “censura”. O objetivo era acusar YouTube e Facebook de interromperem a transmissão durante a fala do “tratamento precoce”.

Porém, o YouTube negou que tenha derrubado a live do presidente. Inclusive, técnicos apontaram que é impossível que a plataforma tire a transmissão do ar ao mesmo tempo que o Facebook. As duas são empresas diferentes.

Ninguém sabe ao certo o que aconteceu com a transmissão. Pode ter sido uma queda na internet. Como também um problema no aparelho que cuidava da live. Ou simplesmente um plano para inflamar os grupos bolsonaristas contras as redes sociais.

O que o DCM apurou é que em grupos de deputados e senadores é que tudo foi um plano da equipe do presidente. Para muitos parlamentares, a queda foi proposital para falar em censura. Aliás, espera-se que ele fale isso no cercadinho na sexta (17).

E a desconfiança aumentou por conta das redes sociais. Apoiadores do chefe do executivo acusaram Facebook e YouTube de censura. E, como todos sabem que tudo é feito de forma orquestrada, os rumores só aumentaram.

Leia mais:

1 – Técnicos da Anvisa defendem vacinação de adolescentes, ao contrário do Ministério da Saúde

2 – Senadores acionam STF para que Alcolumbre paute sabatina de Mendonça

3 – “Queiroga se arrepende de não ter planejado vacinação e agora omite falta de doses”, diz epidemiologista ao DCM

Bolsonaro e a falha

O presidente fazia propaganda de remédios sem eficácia contra a Covid-19. Neste momento, a live acabou caindo.

“Ano passado, me senti mal, tomei um negócio aí pra malária e me curei no dia seguinte. Eu, talvez, tenha sido reinfectado nos últimos dias, talvez semanas, de vez em quando eu tomo… (remédio sem eficácia), não vou negar isso aí e estou com esse aí…”, declarou o governante.

De repente, a tela da live dele ficou escura e, poucos segundos depois, encerrada. Depois disso, o presidente não retornou.