Assessor de Holiday que atacou Manuela participou de “rap” do vereador no horário do expediente

“Um Vereas No Pedaço”, clipe de campanha de Fernando Holiday. Foto: Reprodução/YouTube

A ex-deputada federal Manuela d’Ávila (PCdoB) publicou um texto em suas redes sociais onde denuncia uma ameaça de agressão direcionada contra ela e sua filha de 5 anos, Laura.

LEIA – Invasão de hospital na pandemia mostra que MBL e Bolsonaro são a mesma coisa

Com a repercussão, a jornalista Rita Lisauskas se deparou com uma postagem do coordenador político do vereador Fernando Holiday (Novo), Lucas Pavanato. “Olá Fernando Holiday, como vai? Seu coordenador político está publicando fotos de Manuela D´Avila, marido e enteado e incensando a turba contra ela e a família. Você está ciente desse modus operandi? Compactua com o que faz o seu assessor?”, perguntou Rita.

LEIA MAIS – EXCLUSIVO: Blogueiro que rompeu com MBL e com o bolsonarismo conta em livro como funcionam as fake news

Pavanato manteve alguns ataques contra Manuela no ar, mas pediu desculpas:

“Realmente exagerei na crítica, o intuito não foi atacar a família de ninguém apenas apontar para uma hipocrisia.

Retirei o post e peço perdão pelo equívoco.

Peço perdão a Manuela D’Ávila pela crítica dura demais.

Acredito na política feita com respeito e infelizmente errei dessa vez”.

E há outra história de Lucas Pavanato que foi publicada pelo DCM em 24 de outubro de 2020. O assessor participou de um rap que se tornou jingle de campanha de Holiday para sua reeleição como vereador em São Paulo.

O Diário publicou o seguinte:

Assessores de Fernando Holiday aparecem em Stories do Instagram na gravação do clipe “Um Vereas No Pedaço”. Foto: Reprodução/Instagram

“Diferentes fontes entrarem em contato com o DCM dando informações sobre os bastidores da gravação do ‘Um Vereas No Pedaço’. Três assessores de Holiday participaram da produção e estão na lista de funcionários da Câmara Municipal de São Paulo.

São eles: Lucas Pavanato de Oliveira, Vitor Hugo Liasch Siqueira e Caue Del Valle de Araujo – este último, conhecido dos eventos do MBL.

Lucas é assessor de gabinete e recebe R$ 4,8 mil de salário. Vitor Hugo é assessor especial e ganha R$ 4 mil. Caue Del Valle é o chefe de gabinete de Holiday e recebe R$ 19 mil”.

E há mais uma informação na reportagem:

“E um quarto funcionário participou do clipe, mas não é do gabinete de Holiday.

Trata-se de Augusto Zacarias Correa Leite, assistente parlamentar do deputado estadual Arthur MamãeFalei Moledo do Val, o candidato do Patriota ao cargo de prefeito de São Paulo. Ele recebe R$ 6,3 mil.

De acordo com os registros em Stories do Instagram enviados ao DCM, a gravação do clipe de Holiday ocorreu às 15hrs, durante o horário que ele e seus assessores deveriam trabalhar para a Câmara Municipal de São Paulo”.

No ano passado, o vereador, hoje no Partido Novo e na época do MBL, disse que dispensou os funcionários do expediente para a gravação.

Lucas Pavanato de Oliveira. Foto: Divulgação/Twitter

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!