Dilma ironiza boatos sobre sua saúde e posta foto de bike

Veja Dilma Rousseff andando de bicicleta
Dilma Rousseff andando de bicicleta. Foto: Reprodução/Twitter

A ex-presidente Dilma Rousseff tirou sarro dos boatos envolvendo sua saúde. E ironizou justamente em um post no Twitter neste domingo (5).

LEIA MAIS:

1 – Lula e Alckmin podem ser “frente ampla que faltou em 2018”, diz colunista do Globo

2 – Senadores gastaram milhões em combustível com aviões particulares; Saiba quanto

3 – Sabadão do DCM: Michelle Bolsonaro ora, chora e fala em línguas comemorando André Mendonça no STF

Dilma tira sarro; Entenda o caso

Ela escreveu na rede social:

“Eu e a minha embolia pulmonar agora pela manhã, em Porto Alegre”.

Neste sábado (4), a assessoria de imprensa da ex-presidente esclareceu em nota que ela está bem de saúde, ao contrário de boatos que diziam o contrário.

“A ex-presidenta não está internada em um hospital de Porto Alegre e tampouco sofreu uma embolia pulmonar”, disse a assessoria no Twitter oficial de Dilma.

“Ela se encontra em perfeito estado de saúde. Os boatos são levianos e mentirosos”, conclui o comunicado.

Dilma tem que ironizar esses boatos maldosos, mesmo. E esteve nas notícias no mês passado.

Em uma live, ela desabafou sobre a homenagem de Jair Bolsonaro a Carlos Alberto Brilhante Ustra, torturador da ditadura militar. Ela julga o episódio como “estarrecedor” e elogia a Comissão Nacional da Verdade:

“Sem a Comissão da Verdade, maiores barbaridades teriam acontecido, além daquele fato, que é um fato estarrecedor, que é a homenagem prestada no voto feito pelo atual presidente da República, como deputado federal, no dia do impeachment, em que ele vota em homenagem a um torturador, ao maior torturador pelo menos do estado de São Paulo, porque durou mais tempo na chefia do Doi-Codi II da Operação Bandeirantes”.

“Eu considero que aquele momento foi muito importante”, completa a ex-presidente cinco anos após o caso. Em 2016, Bolsonaro descreveu Ustra como “o pavor de Dilma” ao votar pelo golpe da então presidente.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link.

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link.