Crise hídrica: duas das maiores hidrelétricas de SP já operam no volume morto

Publicado em 15 setembro, 2021 12:28 pm
Crise hídrica. Foto: Reprodução

A maior usina hidrelétrica de São Paulo, Ilha Solteira, está com apenas 1,45% de água, conforme os dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Com o agravamento da crise hídrica, a água já está sendo captada abaixo dos canos, por meio de um bombeamento especial. Este índice significa que o reservatório de Ilha Solteira está no chamado “volume morto”.

Leia mais:

1. Lula escreve perfil de Luiza Trajano em edição especial da Time sobre os mais influentes

2. Profissionais de saúde da França não vacinados serão suspensos

3. Caso Léo Pinheiro: Dallagnol quis usar a imprensa para pressionar TRF-4 a julgar delação

4. Alcolumbre só vai pautar sabatina de Mendonça se tiver certeza de derrota

5. TSE vai investigar se atos golpistas de 7 de setembro foram financiados

Os especialistas dizem que se Ilha Solteira parar de funcionar, o risco de apagões aumenta. Além dela, a Usina de Três Irmãos também se encontra numa situação parecida: tem apenas 1,98% de água.

Para as hidrelétricas funcionarem adequadamente, precisam ter um mínimo de 10% de seus reservatórios com água. Abaixo disso, há o risco das turbinas quebrarem, já que começam a turbinar lama. Ilha Solteira está abaixo dos 10% há quase duas semanas.

Com informações da coluna de Lauro Jardim

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!