Guedes errou: árabes não compraram o Manchester United e Cristiano Ronaldo

Guedes
Guedes diz que árabes querem comprar dois clubes brasileiros

Nesta quinta (18), Paulo Guedes disse que investidores árabes vão comprar times de futebol no Brasil. Ao citar investimentos, o ministro da Economia disse que “eles compraram o Manchester United, compraram o Cristiano Ronaldo”.

Guedes errou. Os donos do clube inglês são os irmãos americanos Jovel e Avram Glazer. CR7, que voltou aos Red Devils, também não foi comprado por árabes. Sua contratação saiu da conta dos mesmos empresários, que têm fortuna de US$ 4,7 bilhões, segundo a Forbes.

O time que foi recentemente adquirido por árabes foi o Newcastle, comprado pelo príncipe Mohammed bin Salman, da Arábia Saudita.

Leia também:

1 – Bolsonaro pediu que Enem trocasse “Golpe Militar” por “revolução”

2 – Presidente está emparedado pelo petista e Moro e não sabe o que fazer

3 – PEC dos Precatórios: Lira e Pacheco batem boca: “Capacho do Bolsonaro”

O que disse Guedes sobre a compra de times por árabes

Na volta da viagem ao Oriente Médio, Guedes disse que investidores árabes pretendem comprar dois clubes brasileiros. “Os árabes vão investir em estradas, vão investir em poços de petróleo, até em clubes de futebol”, afirmou.

“Vários brasileiros da comitiva começaram a pensar. Eu pensei: ‘vem ser sócio do Flamengo’. Aí tinha um outro lá do lado, que é vascaíno, e falou: ‘vem para o Vasco’. Eu falei ‘olha, vai perder dinheiro’. Tinha um outro palmeirense, que falou para comprar o Palmeiras”, prosseguiu.

 

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link