Neto de Nelson Rodrigues quer levar obras do avô para Hollywood

Nelson Rodrigues. Foto: Agência Brasil/EBC

Reportagem de Rodrigo Salem na Folha de S.Paulo informa que Maurício Mota se mudou de Vitória da Conquista, na Bahia, para o Rio de Janeiro em 1989, aos dez anos. Acompanhado da mãe, a professora e autora Sonia Rodrigues, e do pai, o geofísico Ubirajara Mota, ele sabia que o pai  de sua mãe era alguém que escrevia, mas não fazia ideia da importância do parente morto em 1980. “Foi quando descobri que meu avô materno era Nelson Rodrigues”, diz. Além do orgulho, Mota teve uma sensação esquisita. “Como Nelson Rodrigues havia feito tudo e precisou ralar tanto? Por que minha mãe precisa jogar nas 11 posições e não consegue pagar as contas com a escrita?”, questionou. “Isso definiu minha carreira.”

De acordo com a publicação, depois de ter dissecado os processos da indústria cultural, ele está cada vez mais perto de conseguir dar vazão à obsessão da infância. Desde que se mudou para Los Angeles, há sete anos, passou a visitar e estudar o espólios de escritores como Agatha Christie, J. R. R. Tolkien e John Le Carré para pavimentar o potencial da marca Nelson Rodrigues na principal indústria de entretenimento. “É um processo demorado. Não adianta querer ser arrogante e achar que todo mundo conhece”, afirma Mota, que diz ser só “um produtor normal” ao adaptar as obras do espólio, presidido por sua mãe.  “O objetivo é proteger a obra e manter a relevância. Será uma vitória deixá-lo ainda mais importante daqui a 40 anos. Só descobriremos novos Nelson Rodrigues se as pessoas lerem Nelson Rodrigues.”

O pontapé inicial dessa invasão será a adaptação de “O Beijo no Asfalto”, peça escrita por Rodrigues em 1960. A atriz Viola Davis será coprodutora do projeto após uma negociação que durou um ano e meio. “Ela não conhecia o texto, mas foi incrível ver sua reação à medida que lia o roteiro. Temos uma atriz que só pode ser comparada, hoje, à Meryl Streep”, afirma ele, completa a Folha.

Categorias
Destaque
Pedro Zambarda de Araujo

Escritor, jornalista e blogueiro. Autor dos projetos Drops de Jogos e Geração Gamer, que cobrem jogos digitais feitos no Brasil e globalmente. Teve passagem pelo site da revista Exame e pelo site TechTudo. E-mail: [email protected]

Relacionado por