Filha de Fafá de Belém defende coach que viralizou em vídeo e diz: “Nunca serei bolsominion”

Coach Paulo Vieira grita durante palestra
Imagem: Reprodução/Twitter

Texto de Gilvan Marques no UOL informa que a filha de Fafá de Belém, Mariana Belém defendeu Paulo Vieira, presidente de uma instituição de coaching, que motivou uma plateia a gritos e socos no ar e virou meme, por meio de mensagem publicada no Twitter na manhã de hoje. Na mensagem, Mariana diz que o vídeo foi publicado fora de contexto e que, diferentemente do que apontaram alguns, nada teria a ver com apoiadores de Bolsonaro. “Um vídeo fora de contexto e uma galera zoando e dizendo que aposta que é tudo ‘bolsominion’. Bom, esse cara mudou a minha vida 6 anos atrás nesse curso. Sou muito grata à ele. Não fui, não sou e nunca serei ‘bolsominion’. Que pena que ridicularizaram e generalizaram os coachs. Pena.”

Segundo a publicação, ao som de Eye of the Tiger, tema do filme Rocky, o coach prepara a plateia praticamente para uma “luta”. O adversário, contudo, não é Apollo Creed ou Ivan Drago, e sim o fracasso profissional que impede o público da palestra de crescer financeiramente. Com socos no ar, Paulo Vieira grita “Yes! Yes! Yes!” e os alunos repetem a coreografia. Em seguida, ele leva os braços para trás e grita como se um encosto saísse de seu corpo. O gesto é parecido com o de Kleber Bambam na academia, outro meme famoso, mas os gritos lembram o choro de Chiquinha.

A palestra aconteceu em abril, no Ceará, mas só viralizou hoje. Só um vídeo acumula mais de 1 milhão de visualizações. A publicação original, porém, foi apagada do perfil do coach Paulo Vieira, completa o portal.

Categorias
Gente
Pedro Zambarda de Araujo

Escritor, jornalista e blogueiro. Autor dos projetos Drops de Jogos e Geração Gamer, que cobrem jogos digitais feitos no Brasil e globalmente. Teve passagem pelo site da revista Exame e pelo site TechTudo. E-mail: [email protected]

Relacionado por